quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Da felicidade

Acho que a felicidade e o "querer mais" contagiam, por isso noto que os amigos ou colegas com quem tenho falado sobre esta nova etapa da minha vida - a montagem real do negócio - ficam a pensar no "e se eu também arriscar?". Isso é muito bom, pôr as pessoas a mexer e fazer com que procurem mais e melhor!


Amanhã vou falar com a minha gerente sobre o facto de ir embora da loja. Tenho de sair mesmo porque, como já tinha escrito aqui, horários rotativos são incompatíveis com qualquer mestrado no Porto (porque no mestrado as aulas são mesmo obrigatórias, não é como na minha licenciatura...). Confesso que até tenho um bocado de pena, não pelo trabalho em si, mas pelas pessoas que lá ficam. Os amigos não se perdem por sair de lá, mas há lá realmente gente de quem gosto muito e com quem já me habituei a conversar todos os dias.


Quanto ao resto, tenho a cabeça a mil à hora por ter tanto para tratar e não saber por onde começar. Um amiga deu-me o conselho de anotar tarefas diárias na agenda e eu vou segui-lo porque assim não me perco!


Já agora... aqui a madame La Caja queria muito ir ao jantar de bloggers no sábado, mas não sabe se tal vai ser possível! Entretanto ainda vos informo, mas acho que não vai dar, porque vou para o Porto com a minha mãe e não estou a vê-la a querer ir atrás. Embora a mãe também seja blogger! HeHeHe

3 comentários:

Turista disse...

Querida Ana, e qual é o blog da mammy, posso saber?! Força, muita força para todos os teus projectos. :)

Fresco e Fofo disse...

Já viste... andaste uns tempos tão desanimada, sem emprego, sem negócio... e agora está a acontecer tudo ao mesmo tempo.
Ainda bem.

A* disse...

É mesmo Fofo, é mesmo! :)

Turista, nem eu sei (nem quero saber, para a deixar à vontade!), mas sei que tinha... ou tem.