quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Carinho



Tirando com tudo o que envolva animais, eu não sou pessoa de me emocionar facilmente. Mas nos últimos dias recebi tantas demonstrações de carinho de tantas pessoas que não conheço ao vivo (e outras conheço mas pouco), que fico sem palavras...
Além de ter recebido uns xicolates bem bons da Suspiro, recebi hoje uns brincos com gatos (naturalmente) da Gata! Isto no que respeita a blogues, porque no que respeita aos meus clientes online recebi imensas prendinhas das pessoas que menos esperava... chocolates, brincos, colares, fadinhas... e as palavras, as palavras nos cartões foi o que mais me marcou. Como amanhã vou trabalhar para o Porto, vou receber visitas lá na minha "barraca" de algumas clientes que me querem ir dar um miminho... eu acho isto impressionante, por isso estou a referir de novo! Hoje ao almoço o meu cunhado ria-se de que nunca tinha visto alguém receber prendas de gente que não conhece. Mas a verdade é que até conhecem... elas conhecem muito mais de mim do que eu delas, porque eu estou todo o dia na treta por causa da minha loja e elas vão lendo... De grande parte delas, eu também já conheço e vou fazendo questão de conhecer. Isto é lindo, é mesmo, é especial e é uma grande fonte de motivação.
É evidente que não é pelas prendas, embora tenham sido lindas e eu tenha adorado cada uma. É mesmo por causa do significado das prendas.

Chego à conclusão de que, de uma maneira ou de outra, a vida encarrega-se de fazer passar certas pessoas no nosso caminho.

6 comentários:

R. Vieira disse...

Ai que bacana!!!! ;)
Lindo demais!

Conto de Fadas disse...

:) Mesmo. ***

EscritaDela disse...

É com certeza merecido, as pessoas retribuem quando se sentem acarinhadas :)

Ela é Bela disse...

Acho que ainda vou a tempo...Muitos Parabéns fada! Muitas coisas boas nestes anos que estão para vir!bjs

GATA disse...

Errr... gatos? Que gatos? Caixinha, tu olha bem... são cães! LOL

Turrinhas!!!

Conto de Fadas disse...

:) Obrigada meninas, foi um dia muito feliz e em que me senti extremamente sortuda por trabalhar no que amo e, essencialmente, o meu trabalho me trazer tanta coisa e gente boa.