sábado, 24 de novembro de 2012

Da família


Eu não consigo estar bem se souber que alguém da minha família não está bem. Sou uma pessoa muito preocupada, que sofro muito as dores dos outros, que me aflijo. Não sou a Madre Teresa de Calcutá mas gosto muito de ver aqueles que amo felizes, mais tranquilizados, bem - no fundo é isso, gosto de sabê-los bem. Acho que somos todos assim, mas uns preocupam-se mais do que os outros... eu estou no grupo dos que se preocupam às vezes mais do que os próprios.

8 comentários:

Sandra Tavares disse...

Eu sou como tu, perco o sono com os problemas dos que me são queridos.
Bom fim de semana.

Paula_2700 milhas disse...

Já somos duas...

Bom fim de semana.

O Olhar do Lobo disse...

és uma boa pessoa

Ela é Bela disse...

Isso é muito bom sinal. Mas eu também sou um bocadinho assim com as minhas pessoas. Ando sempre de coração apertadinho à conta disso

Conto de Fadas disse...

:) Bom sentir que ainda somos alguns porque infelizmente tenho-me cruzado com muita gente que se está pouco lixando.

GATA disse...

Eu também estou nesse grupo, mas estou a aprender a não me preocupar tanto, ou pelo menos a preocupar-me apenas com quem merece tal preocupação!

Filipa disse...

Tamb sou assim ...e a minha cabeça nào tem sossego se souber que alguém da minha família nào esta bem...

Http://styleloveandsushi.blogspot.com

Dinha'' disse...

Bem, eu tenho temido mudar, Porque eu construí minha vida ao seu redor, Mas o tempo traz coragem; crianças envelhecem, Estou envelhecendo também.(sinopse do meu blog)
Acessa o meu blog?
"Crianças Envelhecem"

http://criancasenvelhecem.blogspot.com.br/

Espero a sua visita, se gostar do meu blog, segue lá, ficarei muito feliz.
Desde já obrigada, tenha uma ótima semana.
Atenciosamente Dinha.