quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Concurso.


Aqui a Caixa recebeu uma mensagem no télélé da BEP (Bolsa de Emprego Público), na qual se tinha inscrito no dia anterior, a informar da abertura de um concurso público para licenciados em Direito. E lá vou eu tentar a minha sorte!

Mas digo-vos desde já meus queridos, que aquilo é f*dido! Tem exames, provas de conhecimento, entrevista, temos de enviar uma carta com montes de formulários e informações bem preenchidos (coisa que é difícil, porque eu nem o IRS sei preencher) e daqui a 15 dias lançam os resultados da primeira fase.

Em pulgas, estou em pulgas! Era bom, não era?! Logo ao fim de um mês, conseguir um trabalho (na função pública, não há melhor) por tempo indeterminado, a dois minutos a pé de casa... era, era! Bom, bom era começar a sair às 4 da tarde!

6 comentários:

Poetic GIRL disse...

Boa sorte! Espero que se realize! bjs

im disse...

Ah Ah Ah na função pública e sair às 16h são duas coisas que combinam na perfeição. Pelo menos para mim que olho para a função pública com uma grande desconfiança...

Mas muito boa sorte, e preenche isso com juízo =P

Beijinhos

Ana disse...

:) Acho que está tudo prontinho, só preciso de amanhã ir à segurança social pedir um documento e lá vou eu. Pode ser que corra bem!

Fresco_e_Fofo disse...

"Bom, bom era sair às 4 da tarde"

Acho que vais conseguir. Mentalidade de funcionário público já tens eheheh.

A maninha está ausente, alguém tem de "levar" comigo eheheh.

dinona disse...

Olha, há coisa de um ano atrás eu candidatei-me a vários empregos através do BEP... mas olha, chateei-me, tanta burocracia que até metia nojo.
Na última que fui, acabou por ser admitida um gaja que era uma labrega e burra de primeira, é só cunhas.

Ana disse...

Pois é, isto é só cunhas! Mas vou tentar, também não custa nada. Se bem que tens razão, ando há dois dias a reunir os papéis todos que preciso enviar, é uma chatice! Tanta coisa que até mete nojo!

E depois, claro, eu não tenho cunha, não devo ficar. :)

Fresco_E_Fofo, bem fez ela! Se eu pudesse também tinha ido!