terça-feira, 5 de outubro de 2010

Ai... é um horror... ai....

Sabem qual é uma das coisas que mais me enerva? Pessoas mosca morta! Daquelas pessoas que falam muito baixinho, muito devagar, praticamente a pedir licença a uma palavra para poder sair a outra. Aquelas pessoas que, quando falam num assunto mais triste, põem um ar muito pesaroso, vergam a sobrancelha em jeito dramático, e terminam as frases assim a olhar pró chão num jeito vago muito dolorido.

Que nervos! Parece que estão a morrer, só apetece dar-lhes quatro chapos para ver se aquilo com um abanão lhes passa!

Não gosto de gente assim. Haja energia minha gente, haja força, não há necessidade de falar a arrastar. Não mostram que estão mais tristes só por falarem dessa maneira, sabiam? E depois fazem assim umas pausas de suspense, como que a recuperar forças para falar... É que uma coisa é quando lhes aconteceu mesmo alguma coisa de grave, outra diferente é quando só põem aquele ar dramático para parecer que estão muito perturbadas com alguma coisa!

Mas nervos, nervos, é com gente que fala baixinho, muito devagarinho, que uma pessoa tem de dizer "Quê?! Fala mais alto pá!". Credo, parece que estão a morrer ou o raio... Não é preciso gritar, mas ao menos falar num tom audível.

2 comentários:

Fresco_e_Fofo disse...

E quando cumprimentam com um aperto de mão, parece que estamos a apertar um peixe morto lool

Ana disse...

AhAhAh É mesmo, que nojo!