segunda-feira, 18 de junho de 2012

Decisions, decisions...

Há dias em que penso que ter-me metido nisto e não ter um dia de descanso, um dia de cabeça leve, não saber quanto vou poder tirar de salário ao fim do mês, não ter segurança absolutamente nenhuma e ter consciência de que férias é uma palavra que não vai entrar no meu dicionário nos próximos anos, foi um erro.

Mas depois, nos outros dias (que são praticamente todos), a felicidade de ter um trabalho que amo supera isso tudo. O entusiasmo de receber mercadoria nova, os elogios dos clientes, a felicidade de quem recebe uma peça da minha loja, as reacções das pessoas quando aqui entram, apaga tudo o resto.

3 comentários:

Devaneios.de.mestra disse...

Em todos os trabalhos há os prós e os contras. E, parece-me, que no teu há tantos prós que faz isso valer a pena :)

Conto de Fadas disse...

Devaneios Também me parece que sim. :)

too_much disse...

É isso que se quer: ser feliz acima de tudo.