sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Da beleza

A verdade é que com um bom creme, uma boa base, umas pérolas polvilhadas na cara, um rimmel e uma sombrinha bonita nos olhos, nos sentimos logo outras! E a verdade é que um verniz vermelho nas unhas, bem pintadinho, dá outra beleza às mãos. E também é verdade que um cabelo tratado com um bom condicionador e um bom sérum fica com outro brilho.

De modos que não, não é assim tão fácil estar sempre bonita! Há gente bonita naturalmente e há gente que só fica bonita depois de uma recauchutagem, mas toda a mulher fica mais bonita quando se trata bem.

Só que isso pede tempo... e muitas vezes dinheiro.

5 comentários:

JS disse...

Eu conheço uma pessoa que por ser freelancer trabalha em casa, e todas nós sabemos que quando estamos por casa temos os hábito de não nos arranjarmos... porque estamos em casa e tal... Esta pessoa todos os dias trata de si como se fosse trabalhar algures fora de casa.
Defende a teoria de que os homens quando andam fora veem mulheres bonitas e arranjadas que lhes fazem cair na ilusão de ser mais bonita que a sua, porque nunca as veem com os cabelos mal arranjados, ou com as unhas por pintar ou sem maquilhagem, etc, etc... apaixonam-se por estas... mantêm uma relação... (ñ quer dizer que sejam todos, obviamente).
Por esta razão, esta mulher está em casa todos os dias, mas está arranjada.
Ao ler este post lembrei-me disto... :)

Não há mulheres feias, há mulheres que não cuidam de si. :)

Ana disse...

Olha, e ela tem razão! A verdade é que uma pessoa se desleixa e depois não pode admirar-se... É claro que eu estou de pijama ou de roupa de andar por casa quando o meu namorado sai da escola à meia noite, mas não estou com unhas ridículas, estou com creme na cara e no corpo, estou de banho tomado e cabelo arranjado. Não ando feita porca, E o mesmo se aplica a eles!

Fresco_e_Fofo disse...

Porque é que as gajas têm de se sentir outras?
É que, ainda por cima, passam a vida a dizer mal das outras pra depois quererem ser "outras" AHAHAH.

Ana disse...

Eu não quero ser outra, quero é que não haja outra!

Petra Pink disse...

Sim a JS tem mesmo razão! há tanta maneira de nos tornarmos mais bonitas! é preciso imaginação!