quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Vamos prá festa!

Já não vamos arrendar nada, talvez só para o mês que vem ou no outro. É complicado quando as pessoas com quem, à partida, mais podemos contar nos falham à última da hora... Ainda bem que a minha família não é assim, mas a do Caixote é. E ele sabe que é, é foleiro dizer-lho mas é mesmo. Por isso a casa ficará adiada por mais uns tempos. :-/

Hoje tenho de desmontar as coisas do Natal. Conhecem a célebre curta conversa:

- Ó Maria, p'ra onde vais?
- Vou prá festa!!!

...

- Ó Maria, de onde vens?
- Venho da festa...

É mais ou menos isso. Quando é para enfeitar tudo é um entusiasmo, para desmontar é uma merda, está tudo sujo, demora imenso, galhos do pinheiro por todo o lado, enrolar as luzes com muito cuidado senão pró ano deram um nó e não as consigo desembaraçar... Pois, uma festa!

7 comentários:

Doce disse...

É mesmo! Tb tenho a minha para desmontar mas estou à espera que venha a vontade.

Julie disse...

Eu este ano não fiz, a minha mãe antecipou-se e fez... vamos ver se a ajudo a desmontar. :)

Fresco_e_Fofo disse...

Chama-se a isso "contar com o ovo no cu da galinha".

Quanto à árvore, parte mas é para uma made in China, das que abrem e fecham tipo guarda-chuva, que aquilo é uma limpeza.
Diria um ambientalista que até é mais ecológico, porque se poupam árvore e o caneco. O pior é que as árvores de Natal chinesas são feitas de plástico e não sei o que será mais prejudicial ao ambiente, se cortar uns pinheiros por ano (que até podiam ser plantados para o efeito), se atulhar o planeta de plástico.
Enfim, enquanto estás ocupada a desmontar a árvore, ao menos não pensas na casa e no emprego, que não aparecem.

Bjs.

teardrop disse...

A minha também ainda está lá na sala... e a vontade de lhe mexer é nenhuma. Com as obras da cozinha tem um manto de pó por cima e nem quero imaginar como vai ser quando a começarmos a desmontar. Como o meu querido quase-marido ainda não disse nada, vou ficar à espera que ele tome a iniciativa...

Ana disse...

AhAhAh É isso, vai uma vontade geral de desmontar as árvores e retirar os enfeites...

Fofo, foi mesmo! Mas disseram-nos que nos davam o ovo, infelizmente no dia antes dizem que não. Ou melhor, dizem que sim mas com extrema má vontade, e assim dispenso!

*Sininho* disse...

A minha mãe é uma querida e trata de desmontar =)

dinona disse...

Eu sofro do mesmo, por isso mesmo é que deixei de a montar :-D
Porque desmontava-a em março/abril... uma vergonha!